Cases

Como a Trace simplificou as transferências internacionais para a Conta Simples 

novembro 16, 2022
Como a Trace simplificou as transferências internacionais para a Conta Simples

A Conta Simples faz parte do portfólio de clientes da Trace e utiliza a solução de FX para fazer transferências internacionais. Rodrigo Tognini, CEO da Conta Simples, conta como foi sua experiência ao utilizar esse serviço e como nossa solução simplificou um processo conhecido por ser burocrático e demorado. 

Oferecendo conta corrente, cartões corporativos e software de gestão de despesas em um só lugar, a Conta Simples foi escolhida como uma das 100 Startups to Watch em 2022. Rodrigo Tognini, CEO da startup, conta que conheceu a Trace por meio da indicação de clientes e investidores: “A indicação é o melhor canal”. 

Ele comenta que já tinha experiência com outras plataformas de transferência internacional, mas que “ao comparar uma com a outra, tem duas coisas que sobressaem [na Trace]: preço, quando falamos de câmbio, taxa é uma coisa que faz diferença […] e o mais importante, experiência”. 

Para Rodrigo, preço e experiência foram dois fatores diferenciais na solução de FX. Além de oferecer a melhor taxa do mercado, na Trace, os clientes têm uma experiência simplificada com o onboarding realizado no mesmo dia, “em tempo recorde o dinheiro estava na conta, não nos preocupamos com documentação acessória que, muitas vezes, é necessária para esse tipo de operação. Então, a experiência foi uma coisa fantástica”. 

Sobre o spread oferecido, Rodrigo destaca que “em grandes volumes, conseguir economizar alguns percentuais faz muita diferença!”.  

Rodrigo também enfatiza o atendimento e o relacionamento com o time da Trace durante o processo de transferência internacional. “Durante todo o processo, a gente esteve conversando com o time [da Trace] […] não teve aquele processo de onboarding, quando é preciso ficar esperando”. Veja o depoimento completo!

Conta bancária global 

Durante o processo de captação de recursos fora do país, o relacionamento e a utilização de serviço de bancos estrangeiros representa uma dor para todas as startups. 

Após receber uma rodada de investimento, é preciso contar com serviços bancários que permitam essa transferência internacional, mas que, na prática, oferecem uma experiência pouco intuitiva para os usuários, “a gente sabe que não é uma experiência das mais digitais, das mais agradáveis, o processo é demorado…”, comenta Rodrigo. 

Em busca de solucionar toda a jornada das startups que fazem fundraising no exterior e precisam trazer a rodada  de volta para o país, a Trace, em breve, vai lançar sua própria solução de Global Banking. 

Para Rodrigo, poder contar com uma solução como esta traz muita expectativa. “Ter uma solução que vai substituir essa experiência, que é dolorosa […] por uma experiência totalmente digital, nova e inovadora, gera uma expectativa alta. Porque a gente sabe que vai economizar muita dor de cabeça!”.  

Conte com as soluções da Trace 

A Trace já ajudou mais 100 de startups a fazerem transferências internacionais, com uma solução rápida e oferecendo as melhores taxas do mercado. Clique aqui para conhecer melhor!